Quase inelegível, André Puccinelli lidera pesquisas para Governo de Mato Grosso do Sul

O ex-Governador do estado de Mato Grosso do Sul, André Puccinelli (MDB), desponta na liderança da última pesquisa eleitoral divulgada pelo Instituto Ranking, que realizou o levantamento entre os 09 e 12 de junho, com 2.000 entrevistas em 20 municípios do estado.

Os dados foram divulgados nesta terça-feira (15), e mostra que mesmo condenado a cinco anos de inelegibilidade pelo Juiz Lucas Medeiros Gomes, da 1ª Vara Federal de Campo Grande, por improbidade administrativa, o ex-chefe do executivo estadual mantém firme suas bases eleitorais, o instituto Ranking tem um histórico considerável de assertividade nos resultados eleitorais do estado nas últimas eleições.

Outro nome que aparece como surpresa na ‘ponta’ da pesquisa é o da Deputada Federal, Rose Modesto (PSDB), que também foi vice governadora no primeiro mandato de Reinaldo Azambuja (PSDB), que está no seu segundo mandato e deve deixar o governo no final de 2022. Caso Rose pretenda mesmo disputar a cadeira do governador, haverá ‘racha’ interno no ninho tucano sul-matogrossense, hoje o atual mandatário, Reinaldo, apresenta o Secretário de Estado de Infraestrutura, Eduardo Riedel (PSDB), como seu possível sucessor na governadoria, ou seja, Rose teria que convencer o grupo ou até mesmo deixar o partido para concorrer.

A Deputada Federal licenciada e atual Ministra da Agricultura, Pecuária e Abastecimento, Tereza Cristina aparece em 3º no levantamento do Instituto Ranking, no momento Tereza Cristina prefere atuar de forma ativa no cargo em que atua, com ela, o Ministério da Agricultura figura frequentemente como o que mais fornece resultados positivos ao Governo Federal, com números que quebram recordes em cima de recordes. Em relação a disputa eleitoral, o silêncio parece ser ordem dada e cumprida dentro do Democratas, partido da ministra, mesmo após o vice governador Murilo Zauith (DEM) ser exonerado da Secretaria de Estado de Infraestrutura para dar lugar a Riedel, o partido trabalha nos bastidores e deve figurar como grande divisor de águas nas disputas em Mato Grosso do Sul.

Confira os dados completos:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *