O Cotidiano

A evolução ética no jeito de comunicar!
Pesquisadores Brasileiros desenvolvem robô que elimina o coronavírus

Aurora é o nome do robô desenvolvido pelos Pesquisadores da Universidade Federal do Pernambuco para desinfecção de locais públicos e privados com a utilização de inteligência artificial e radiação ultravioleta, capaz de inativar micro-organismos geneticamente, como o novo coranavírus.

“Ele consegue interagir diretamente com o material genético de fungos, bactérias e vírus, seja RNA e DNA, e causa pequenas lesões neste material genético. Com isso, ele acaba inativando o micro-organismo, explica o professor e pesquisador do IFPE, Frederico Menezes.

Ainda segundo os pesquisadores, a radiação emitida segue protocolos de segurança, e que, quando as lâmpadas estão acesas é importante que não tenha nenhuma pessoa no ambiente, que assim, a Aurora poderá desinfectar com segurança tudo ao redor, das superfícies até o ar.

“Não há geração de um produto químico que cause algum dano para quem entre no ambiente após a ação do robô”, ressalta o pesquisador Frederico.

Os comitês de ética da Universidade Federal de Pernambuco e também do Ministério da Saúde já aprovaram o protocolo de uso dos robôs no combate a pandemia da COVID-19, o próximo passo é produzir mais e em pouco tempo, com um custo baixo para que a tecnologia alcance o maior número de localidades urgentemente.

Deixe comentário

Seu endereço de e-mail não será publicado. Os campos necessários são marcados com *.